sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

A Garota da Fotografia

  “Em um dia na escola, um garoto chamado Bruno estava sentado em sua classe durante a aula de matemática. Faltavam seis minutos para a aula terminar. Enquanto ele fazia os exercícios, uma coisa chamou sua atenção. A carteira dele era ao lado da janela, ele se virou e olhou para o pátio do lado de fora. Tinha algo que parecia uma foto jogado no chão. Quando a aula acabou, ele correu até o lugar que ele tinha visto a foto.

  Ele correu o mais rápido que podia para que ninguém pegasse ela antes dele. Ele pegou a foto e sorriu. Na foto havia a imagem da garota mais linda que ele tinha visto. Ela tinha um vestido apertado e uma sandália vermelho, seu cabelo era ondulado e sua mão direita tinha um sinal de “V” formado com os dedos indicador e médio.

  Ela era tão linda que ele a quis conhecer, então ele percorreu toda a escola perguntado para todos que passavam se alguém já tinha visto aquela garota. Mas todos respondiam “Não”. Ele estava arrasado. Quando chegou em casa, ele perguntou para sua irmã mais velha se ela a conhecia, mas infelizmente ela também disse “Não.” Já era tarde, Bruno subiu as escadas, colocou a foto na cabeceira de sua cama e dormiu.

  No meio da noite Bruno foi acordado por um barulho na janela. Era como uma unha batendo. Ele ficou com medo. Após as batidas ele ouviu uma risadinha. Ele viu uma sombra próxima a sua janela, então ele saiu da cama, ele andou até a janela, abriu e procurou pelo lugar que vinha a risada, não havia nada e a risada parou. No dia seguinte ele foi perguntar para seus vizinhos se eles conheciam a garota. Todos falaram “Desculpe, não.”. Ele perguntou até mesmo para sua mãe assim que ela chegou em casa. Ela disse “Não.”

  Ele foi para o quarto, colocou a foto na cabeceira e dormiu. Novamente ele foi acordado pelas batidas na janela. Ele pegou a foto e seguiu as risadinhas. Ele saiu desceu as escadas, saiu de casa pela porta e foi atravessar a rua quando de repende foi atingido por um carro.

  Ele estava morto com a foto em suas mãos. O motorista do carro saiu e tentou ajudar, mas era tarde demais. De repente o motorista vê uma fotografia e a pega. Ele vê uma linda garota com três dedos levantados.”

   Pensei que a história ia acabar em romance e nem ia ler até o final, mais valeu a pena kkk

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Rabiscos

Não sou nenhuma desenhista, admito, mas as vezes faço meus rabiscos…

IMG1416AIMG1417A IMG1418A IMG1420A IMG1423A IMG1426A IMG1429A IMG1430A IMG1432A IMG1433AIMG1434A IMG1435A IMG1436A IMG1437A IMG1438A IMG1442A IMG1443A IMG1444A

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Selo: Meus Blogs Favoritos *-*

  Hoje resolvi fazer um selinho pra presentear meus blogs favoritos. Sempre leio (mesmo que as vezes esqueça de deixar um comentário hehe)…

Selo_Meu_Favorito_by_Amanda_Hyuuga

Só os melhores: melhores bloqueiros e melhores conteúdos!

 

1º - Leka: http://guerradosmundosleka.blogspot.com/ 

Conheço desde o blog gótico… Amo essa guria *-*

2º - Rart og Grotesk: http://artegrotesca.blogspot.com/

Conheci bastante coisas interessantes através desse blog.

3º - Thiane: http://thianefarias.blogspot.com/

Nem preciso comenta, amo as maquiagens dela *-*

4º - Isa: http://bloodymaryblood.blogspot.com/

Amo os poemas.

5ª - Tiago: http://goticuseternus.blogspot.com/

Conheci agora, mais adorei.

 

Indiquem para os blogs que estão nos seus favoritos!

 

Kissus

Sayonara

Até a próxima

Clarice Lispector

Algumas frases dessa super escritora *-*

Clarice Lispector [Moi Fou - By Amanda_Hyuuga] 

Liberdade - Clarice Lispector

Um poema de Clarice Lispector:

"Não te amo mais.
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada.
Não poderia dizer jamais que
Alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais..."

Agora leia de baixo para cima!

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Odium

Hate [Moi Fou - By Amanda_Hyuuga]

Ódio: 1. Rancor profundo e duradouro que se sente por alguém. 2. Aversão ou repugnância que se sente por alguém ou por alguma coisa. 3. Antipatia.  Antôn: amor, afeto.

The Last Song I'm Wasting On You[Moi Fou - By Amanda_Hyuuga]

Eu irei fazer meu próprio caminho,

sem o seu ódio sem sentido,

Então corra, corra, corra...

E me odeie se te faz sentir bem,

Eu não consigo mais ouvir seus gritos!

The Last Song I'm Wasting On You – Evanescence

 

Hate You [Moi Fou - By Amanda_Hyuuga]

“Por mais que eu te odeie, no fundo eu tenho uma grande admiração por ti, e uma certa inveja admito, queria ter a força e perseverança que muitas vezes odeio em você.”

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Refletindo: Stupid Girl - Pink

pink-angels

Onde, oh onde, onde foram as pessoas inteligentes?
Oh onde, oh aonde eles podem estar?


A doença está crescendo, é uma epidemia
Receio que não haja uma cura
O mundo acredita nisso e estou enlouquecendo
Eu não aguento mais!
Estou tão feliz que nunca vou me adaptar
Jamais serei assim
Stupid Girls!

 

Stupid Girl - Pink

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Hipocrisia

Hipocrisia: (hi.po.cri.si.a) Manifestação de fingidas virtudes, sentimentos bons, devoção religiosa, compaixão etc.; fingimento, falsidade.

hipocrisia

Tantas máscaras

Tanta perfeição

Tanto fingimento

Tantas decepções

 

O que leva o ser humano a fazer isso?

Sua necessidade de se adaptar entre outros?

Ou talvez a mentira seja uma tentativa de esquecer quem tu realmente és?

 

evanescence - bring me to life official video

"Se tudo o que
 cantássemos 
fosse sobre o 
quão felizes 
estamos, 
estaríamos 
mentindo para 
nós mesmos. 
Pessoas tentam escapar de seus problemas bebendo, dando festas e 
dançando. O que realmente me cura é sentar e pensar, encarar os fatos, daí vc consegue 
esquecer e ser feliz."Amy-lee, vocalista da banda Evanescence